Acesso Rápido

JUNTOS SOMOS MAIS!

ACIR e UFMT fazem estimativa da produção de MT até 2020

Com o início da operação do complexo intermodal da Ferronorte em Rondonópolis, a ACIR, em parceira com a UFMT – curso de Ciências Econômicas – buscou avaliar os impactos que as atividades gerariam no município. Dentre os itens avaliados pelos pesquisadores está a produção de grãos, cultivados na região.


Por meio da pesquisa a ACIR espera contribuir com o planejamento das políticas públicas e dos agentes privados com vistas ao desenvolvimento do município de Rondonópolis.


Dentre as principais commodities exportadas pelo estado, estima-se que o aumento da produtividade das lavouras deve ser o principal responsável pelo significativo acréscimo na produção, e deverá manter uma taxa anual de 2%.


A investigação foi realizada mediante a elaboração de um protocolo de pesquisa que buscou identificar as variáveis relevantes para a análise da operação do terminal intermodal e dos impactos para a economia local.


A projeção de produção de grãos (soja, milho e algodão) do estado de Mato Grosso para 2014 chega a 41,5 milhões de toneladas, onde a soja representa 60,77% da produção, o milho 37,58% e o algodão 1,65%. A estimativa para a produção de 2020 é de 47,3 milhões de toneladas. Isso indica um acréscimo de 5,7 milhões de toneladas na produção de grãos, e, em valores relativos, 13,81%.


Esse acréscimo na produção nos remete a questão do escoamento dessas commodities. As exportações para o porto de Santos correspondem a 62,68% da produção total de grãos do estado de Mato Grosso. As projeções de escoamento de grãos para o porto indicam 13,7 milhões de toneladas em 2014 e de 15,6 milhões de toneladas em 2020.


Quanto ao tráfego de caminhões no terminal a previsão foi realizada a partir da análise do volume exportado no ano de 2012, em termos mensais, destinado ao porto de Santos. A partir destes valores, considerou-se em média uma quantidade transportada de 37 toneladas por caminhão. O médio mensal de trânsito de caminhões projetado para o primeiro ano de operação do terminal é de 1.032 caminhões dia, contudo, em função da sazonalidade das safras agrícolas, verifica-se que o mínimo mensal encontra-se no mês de janeiro com 607 caminhões diários e o máximo mensal com 1.614 caminhões diários. A partir de 2014, o crescimento do fluxo de caminhões acompanhará o desempenho do volume transportado de 2,17% anuais.


Em um cenário otimista onde as projeções das receitas consideram que 100% da produção destinada ao porto de Santos no Mato Grosso sejam embarcadas no terminal de Rondonópolis indicam um valor de R$ 3,2 bilhões em 2020, esse valor corresponde a um aumento de 22,38%, em relação ao valor projetado para 2014, que seria de R$ 2,6 bilhões.

Gostou do Contéudo? Compartilhe
Venha para o time ACIR!

TORNE-SE UM ASSOCIADO

SEJA UM ASSOCIADO DA ACIR E FAÇA PARTE DESTE GRUPO DE EMPRESÁRIOS COM ACESSO A DIVERSAS BENEFÍCIOS E SERVIÇOS DIFERENCIADOS.

Contrate por Fone

(66) 3439-8000

Veja Também

Post Relacionados

Solicite um contato agora e

Venha ser Associado

Aproveite os inúmeros benefícios para você e sua empresa!

SEJA UM ASSOCIADO DA ACIR E FAÇA PARTE DESTE GRUPO DE EMPRESÁRIOS COM ACESSO A DIVERSAS BENEFÍCIOS E SERVIÇOS DIFERENCIADOS.